Paranatinga, 18 de Outubro de 2018

Variedades

Dado Dolabella pode ser solto após prisão por falta de pagamento de pensão alimentícia

PENSÃO ALIMENTÍCIA | 03/04/2018 17:15:38


O ator Dado Dolabella pode ser solto nesta sexta-feira, 6, após passar dois meses preso por falta de pagamento de pensão alimentícia. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

 

Mas um outro mandado de prisão em nome de Dado já foi expedido. A Juíza Ana Paula Delduque do 3ª Juizado da Violência Doméstica em Jacarepaguá, no Rio, revogou os termos de condicional e expediu um novo mandado de prisão para Dado no fim de fevereiro em regime aberto.

 

No regime aberto, o condenado pode realizar atividades permitidas durante o dia e precisa recolher-se à noite em casa de albergado ou na própria casa, na falta de estabelecimento adequado.

 

O novo mandato é refente a um processo de 2014. Dado foi condenado a dois meses e 15 dias de prisão por injúria e dano, após xingar e escrever palavras ofensivas na lataria do carro de Viviane Sarahyba, sua ex-mulher.

 

 

A pena foi convertida em serviços comunitários e Dado deveria cumprir uma série de termos condicionais como avisar sempre que fosse deixar o Rio de Janeiro, participar de reuniões de grupo de reflexão para homens e o comparecimento em juízo mensalmente.

 

Em sua decisão, a juíza Ana Paula falou sobre o não-cumprimento dos termos da condicional de Dado: "O apenado vem sistematicamente descumprindo todas as condições da suspensão condicional da pena sem fornecer qualquer justificativa a este juízo, apesar de ter sido intimado a prestar esclarecimento em três oportunidades (vide fls. 419 c/ 425, 436 e 444), sendo certo que, em relação a última tentativa deste juízo em obter uma resposta para tal descaso, a defesa técnica, apesar de intimada, quedou-se inerte e, quanto ao apenado, sequer foi possível a sua intimação pessoal, já que mudou de endereço sem comunicar".

 

Em março, um recurso foi negado e a decisão da juíza mantida pelo juiz Rafael Rezende: "O apenado vem sistematicamente descumprindo TODAS as condições da suspensão condicional da pena sem fornecer qualquer justificativa a este juízo", escreveu.

 

Prisão em São Paulo

 

Dado foi preso em fevereiro em São Paulo após a Justiça do Rio expedir um mandado de prisão. Uma mulher procurou os policiais do 5º Distrito Policial, na Aclimação, e apresentou o mandado de prisão. A denunciante disse saber onde Dolabella estava escondido.

 

Ela levou os policiais até um apartamento em Moema, bairro nobre na Zona Sul da capital paulista. Dado Dolabella foi preso e levado para a delegacia.

 

Na época, ele contestou o valor da pensão. "Esse valor da pensão está errado, é um valor que eu não recebo mais. Eu queria poder dar mais pro meu filho", afirmou Dolabella.

 

 

Dado foi condenado em dezembro do ano passado a pagar pensão alimentícia a um de seus filhos. Ele chegou a ser preso em agosto de 2017, no Rio, mas conseguiu uma liminar para não ficar na cadeia.

"Pagava o que podia"

 

A mãe de Dado Dolabella, a atriz Pepita Rodrigues, visitou o filho na carceragem do 33º Distrito Policial (DP) de São Paulo, em Pirituba, em fevereiro e disse que o filho estava sendo bem tratado.

 

“Ele pagava o que podia pagar. Vamos ver o que a Justiça vai resolver. Vamos aguardar e rezar para que ele saia de lá logo. Tenho muita esperança”, disse na época ao G1.

 

Fonte: G1

Rádios

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE