Paranatinga, 25 de Maio de 2020

Política

"ESQUEMA" COM TV DE GALINDO

Secretário diz que vereador é “leviano e infantil” e o processará

Publicado 14/05/2020 16:36:33


CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O secretário de Educação de Cuiabá Alex Vieira Passos (PTB) teceu duras críticas ao vereador Felipe Wellaton (Cidadania), a quem ele classifica como “leviano, infantil e irresponsável”.

 

Passos disse que irá processar o parlamentar, civil e criminalmente, para que ele prove acusações de prática de corrupção feitas contra ele.

 

A reação do secretário ocorre em razão da acusação feita pelo vereador, dando conta de que o Município estaria desviando recursos da Educação para custear campanha eleitoral do PTB.

 

  

Segundo Wellaton, o “desvio” estaria sendo feito por meio do contrato de R$ 539 mil firmado entre a Educação e a Fundação Altamiro Galindo - TV Mais, para transmissão de aulas a alunos da rede pública municipal. A TV é do ex-prefeito de Cuiabá, Francisco Galindo, também filiado ao PTB.

 

Em um vídeo nas redes sociais, o vereador diz que o contrato foi uma “desculpa” para que o repasse fosse feito a Galindo. Wellaton lembrou ainda que o filho do prefeito Emanuel Pinheiro, o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, Emanuelzinho, também pertence aos quadros do PTB.

 

 

Você não pode afirmar que é a pessoa é corrupta, sendo que nem viu o processo de contratação da TV, tamanha a irresponsabilidade deste vereador. Ele afirmou que todo mundo é ladrão e terá que provar

“Entendo e respeito o papel do vereador. Mas a partir do momento que ele fez acusações levianas, de triangulação de dinheiro para partido político... me dá até enjoo. Isso ele terá que responder. Sempre o respeitei, não achei que ele chegaria ao ponto de afirmar que a secretaria está sendo usada para abastecimento para um partido. O partido vai e eu também vou interpelá-lo civil e criminalmente”, disse o secretário de Educação.

 

“Você não pode pegar a moral de uma pessoa e afirmar que é a pessoa é corrupta, sendo que ele nem viu o processo de contratação da TV, tamanha a irresponsabilidade deste vereador. Ele afirmou que todo mundo é ladrão e terá que provar”, emendou.

  

O secretário também afirmou que as acusações feitas por Wellaton já são uma tentativa de tentar conquistar votos da população. O vereador – que faz oposição ao prefeito – já é tido como pré-candidato ao Alencastro na eleição que deve ocorrer em outubro deste ano.

  

“O vereador está sendo muito infantil, pequeno, leviano e isso é perigoso porque ele leva à sociedade informações erradas, equivocadas ao afirmar que o contrato que fizemos com a TV estaria cheio de erros e vícios. A falta de conhecimento do vereador é tanta e ele age no afã de querer fazer campanha”, disse.

  

O secretário disse já ter prestado informações ao Ministério Público (MPE) e ao Tribunal de Contas (TCE) de todos os trâmites do processo de contratação da TV, que é inclusive alvo de uma denúncia formalizada por Wellaton ao MPE.

  

Um dos questionamentos feitos pelo parlamentar diz respeito ao fato de a TV Mais não ser uma emissora de grande audiência.

 

“Fizemos uma chamada com as TVs locais, a maioria delas. A TV Mais foi quem apresentou o menor valor e com todos os itens que estão no objeto de contratação. O processo de contratação foi lícito e com preço abaixo do esperado”, disse.

  

“Não preciso de audiência. Isso encarece a contratação. Não podemos e não devemos contratar uma TV por sua audiência. A Secretaria de Educação não precisa de audiência para passar aula para os alunos. Preciso de transmissão digital e TV que ofereceu o menor preço é uma TV fundacional, filiada à TV Cultura de São Paulo, e que colocou o menor preço na praça com todas ferramentas necessárias”, concluiu o secretário.

 

Fonte: midianews

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE