Paranatinga, 17 de Abril de 2021

Política

Deputado autor de projeto contra a obrigatoriedade da vacina morre com Covid-19 em MT

Publicado 13/03/2021 14:35:18


O deputado estadual Silvio Fávero (PSL), de 54 anos, morreu neste sábado (13) internado com Covid-19 em um hospital particular, em Cuiabá.

Ele estava internado desde o dia 4 de fevereiro e intubado com Covid-19 uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com os médicos do deputado, neste sábado Fávero teve complicações e infecções causadas pela Covid-19 e a situação dele era considerada ‘crítica’.

Em nota, a família do deputado agradece por todas as orações e manifestações positivas.

Fávero deixa a mulher Katia e três filhos: Gabriel, Gustavo e João Ricardo.

"Deus receba em paz nosso grande guerreiro, que bravamente lutou pela vida e hoje, com muita fé em Deus, segue aos braços do Pai Maior", disse a família.

 

Projeto de lei

 

Fávero era autor de um projeto que tramita na Assembleia Legislativa contra a obrigatoriedade da vacina contra a Covid. Segundo ele, o cidadão tem o direito de escolher se vai vacinar ou não.

Já sobre os menores de idades, o projeto diz que os pais ou responsáveis poderão escolher pela vacinação ou não das crianças e adolescentes menores de 14 anos.

“[O projeto] visa evitar que a vacinação seja compulsória, eis que, atualmente, subsiste insegurança quanto à eficácia e eventuais efeitos colaterais das vacinas, onde apresentam um risco que, sem dúvida alguma, é irreparável, já que os efeitos a curto, médio e longo prazo da vacina são desconhecidos”, justifica.

 

 

Biografia

 

Silvio Antonio Fávero era natural de Umuarama-PR, nasceu em 31 de agosto de 1966. Casado, pai de três filhos, era filho de Sebastião e de Dona Angélica.

Ele era advogado, empresário, produtor rural, ex-vice perfeito de Lucas do Rio Verde e, atualmente estava exercendo o primeiro mandato como deputado estadual.

Com histórico de luta começou a trabalhar aos nove anos de idade, para ajudar no sustento da família com cinco irmãos. À época, trabalhava, com muito orgulho, como feirante subindo e descendo as ladeiras de Porecatu, no interior do Paraná.

Silvio conciliava o trabalho como feirante com a função de servente de pedreiro. Sua alegria de viver, forte comunicação, garra e humildade o projetaram ao primeiro emprego numa cooperativa local, como office-boy aos 14 anos.

Muito dedicado ao trabalho, obteve promoções e apoio da empresa para avançar nos estudos. Com o apoio dos amigos e do financiamento público, conseguiu formar em direito, em Presidente Prudente (SP).

Incentivado pelo pai Sebastião, chegou em Mato Grosso em 1990, um dos primeiros advogados de Lucas do Rio Verde – considerado o defensor público com mais ações gratuitas na região.

Auxiliou na instalação do prédio da Justiça do Trabalho para o município, participou da fundação de diversos bairros da cidade. Por oito anos prestou assessoria jurídica à Câmara de Vereadores de Lucas, atuou, também, como procurador do município e secretário de Administração na gestão Otaviano Pivetta.

Em Lucas do Rio Verde fez história junto ao Rotary, inclusive foi um dos fundadores: Lions de Visão, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e Lar do Idoso.

Ajudou na implantação da Comarca do Fórum de Lucas, na instalação da OAB, ocupando inclusive o cargo de vice-presidente da comissão de meio ambiente.

Em 2016, foi eleito vice-prefeito da cidade de Lucas, com forte atuação a favor do desenvolvimento municipal, sendo projetado e estimulado popularmente ao cargo de deputado estadual.

Eleito para o primeiro mandato parlamentar em 2018, Fávero foi destaque na Assembleia Legislativa de Mato Grosso pela alta produtividade, autor de centenas de projetos e mais de 20 leis aplicadas.

Silvio Fávero estava como membro titular das comissões de Constituição, Justiça e Redação; Segurança Pública e Comunitária; Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Recursos Minerais; Revisão Territorial dos Municípios, além de presidir a Comissão Especial para Revisão Geral do Texto do Regimento Interno da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

Fonte: g1

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE