Paranatinga, 22 de Abril de 2018

Política

Botelho diz que Mauro quer Senado e espera consenso em grupo

BASE DE TAQUES | 09/12/2017 11:48:04


O deputado estadual Eduardo Botelho (PSB) negou que o ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (PSB) irá romper com o governador Pedro Taques (PSDB) e disputar o Governo do Estado nas eleições de 2018.

 

Em entrevista à rádio Capital FM, ele disse que o desejo de Mendes é disputar o Senado.

 

“O que eu sei é que o Mauro está construindo uma candidatura ao Senado. Ele deixou claro isso. A princípio, ele não falou nada sobre disputar Governo. Não acredito nisso”, afirmou o parlamentar.

 

A candidatura de Mendes ao Governo é considerada provável nos bastidores. Ele teria, inclusive, recebido apoio de sua mulher, Virgínia Mendes.

 

 

O que eu sei é que o Mauro está construindo uma candidatura ao Senado. Ele deixou claro isso

Entretanto, ele não tem dado respostas oficiais sobre o assunto. Para a imprensa, tem dito que discutirá sobre eleição a partir do próximo ano.

 

Botelho analisou que o grupo liderado pelo governador Pedro Taques (PSDB) tem “seis craques” para quatro vagas na disputa majoritária – governador, vice-governador e duas para senador. Para ele, será preciso “consenso” para distribuir os concorrentes.

 

“É muita gente para pouca vaga. Esse grupo é possível que fique junto, estou contando com isso. Então, são seis craques e quatro vagas: Pedro Taques, Carlos Fávaro, Blairo Maggi, Mauro Mendes, Jaime Campos e Nilson Leitão. Dois vão ter que ficar na reserva. Mas isso vai ser discutido lá na frente”, explicou.

 

Segundo ele, pesquisas eleitorais devem ser encomendadas quando estiver mais próximo do prazo da escolha dos candidatos.

 

“Uma pesquisa para saber quem são os melhores candidatos pode ser um meio de escolha. São vários meios que podemos utilizar para isso, mas ainda não é o momento para essa discussão”, completou.

 

Fonte: Midia News

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE