Paranatinga, 25 de Fevereiro de 2018

Polícia

Traficante é morto em confronto com a polícia na fronteira de MT com a Bolívia

MATO GROSSO | 05/02/2018 13:23:00


Um traficante de 45 anos morreu em confronto com policiais do Grupo Especial de Fronteira (Gefron-MT), na noite dessa quinta-feira (1º), em Vila Bela da Santíssima Trindade, a 562 km de Cuiabá, na fronteira com a Bolívia, segundo o Gefron.

Jurandir Prudente da Silva, que morreu, Ronildo Torres do Carmo, de 25 anos, e outro homem estavam em duas motocicletas. Em uma delas, transportavam mais de 60 kg de droga.

Ao cruzarem com os policiais que fazem a segurança na fronteira, em uma estrada que interliga Brasil e Bolívia, perto da MT-199, os agentes mandaram que eles parassem. Ronildo, que seguia na frente em uma motocicleta, jogou a arma e se deitou no chão, mas os outros dois começaram a atirar, de acordo com a polícia.

Durante o confronto, Jurandir e outro homem tentaram fugir, entrando uma área de mata.

Ronildo, que é boliviano, se rendeu e foi preso. Com ele, a polícia apreendeu um fuzil, com 18 munições, a motocicleta e uma mochila contendo folhas de coca e outros objetos

À polícia, ele disse que receberia R$ 3 mil para ajudar os traficantes a entrar com a droga no Brasil, dando apoio. A função dele era seguir na frente, abrindo as porteiras e fazendo a segurança de Jurandir, que estava com a droga.

Na outra motocicleta, em que estavam Jurandir e o outro homem, ainda não identificado, havia três sacos contendo 59 tabletes de pasta base de cocaína, totalizando 62 kg.

Mesmo ferido, Jurandir entrou na mata na tentativa de fugir e foi encontrado insconciente pela polícia. Perto dele, os policiais encontraram um revólver com numeração adulterada. Ele foi levado a um hospital em Vila Bela da Santíssima Trindade, onde faleceu.

O terceiro suspeito ainda não foi localizado.

 

 

Fonte: G1

FACEBOOK