Paranatinga, 22 de Junho de 2018

Polícia

Polícia diz que mulher e menor foram assassinados por engano

CRIME EM POCONÉ | 31/05/2018 20:30:13


A Polícia Civil concluiu que o duplo homicídio registrado na terça-feira (29), em Poconé (a 104 km de Cuiabá), ocorreu por engano.

 

Luzia Marisangela da Silva, de 28 anos, e um adolescente de 15 foram surpreendidos pelos assassinos quando acabavam de sair do Fórum do Município.

 

O adolescente que morreu e seu irmão, de 17 anos, haviam prestado depoimento no Fórum sobre uma ocorrência em que ambos foram apreendidos com armas de fogo. Por serem menor de idade, a prima - chamada por eles de tia - acompanhava os dois.

 

O trabalho de investigação da Polícia Civil apontou que o objetivo dos criminosos era matar o irmão mais velho, mas o adolescente escapou da morte porque foi apreendido no final da oitiva no Fórum por policiais da cidade, colocado em uma viatura e encaminhado para ser ouvido na unidade.

 

A polícia chegou a motivação do crime após a prisão dos suspeitos, identificados pelas iniciais R.M.P., de 26 anos, F.D.S., 21, E.J.S.C., 22, e W.L., 43.

 

Levantamento preliminar sugere se tratar de associação criminosa que teria sido organizada e contratada por um empresário do Município, identificado como W.L, com anuência de outros empresários, para acabar com roubos em seus estabelecimentos comerciais.

 

Os policiais civis verificaram que W.L. esteve no Fórum pouco antes do crime provavelmente para se certificar que o alvo seria ouvido. O suspeito observou ao redor, tomou água e saiu em seguida do local.

 

No entanto, ele não verificou que o alvo não chegou a sair do Fórum em liberdade. Os suspeitos do crime seguem presos à disposição da Justiça. 

 

Fonte: Midia News

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE