Paranatinga, 13 de Dezembro de 2017

Polícia

Pezão diz que vai recorrer de ação que pode trazer de volta ao RJ 55 chefes do crime organizado

RJ tem 55 presos fora do estado.

INSEGURANÇA PÚBLICA | 29/09/2017 21:37:53


G 1 

O governador Luiz Fernando Pezão afirmou nesta sexta-feira (29) que recorrerá à Justiça para tentar impedir que chefes do crime organizado no Rio detidos em presídios federais fora do estado sejam trazidos de volta ao sistema penitenciário estadual. A informação foi adiantada ao repórter da Globo Edimilson Ávila.

 

Conforme reportagem do Jornal O Globo publicada nesta sexta-feira, a Defensoria Pública da União entrou com uma ação de habeas corpus coletivos que pode trazer de volta ao Rio de Janeiro 55 presos considerados perigosos.

 

Ao repórter Edimilson Ávila, Pezão disse que ainda não conhece os termos da ação apresentada pela Defensoria ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas adiantou que irá recorrer. Segundo o governador, no atual contexto vivido pelo Rio de Janeiro não seria adequado o retorno destes criminosos ao estado.

 

A Defensoria pediu ao STF que todas as pessoas presas em estabelecimento penal federal há mais de dois anos sejam levadas de volta pros estados de origem. Assinada pelo defensor Anginaldo Oliveira Vieira, a ação argumenta que os presos estão sofrendo constrangimento ilegal já que há uma lei que determina que os detentos fiquem em presídios federais por no máximo 720 dias.

 

O pedido tem caráter liminar urgente. O relator da ação no STF vai ser o ministro Alexandre de Moraes. Ainda não prazo pro habeas corpus ser analisado.

 

 
 

Fonte:

FACEBOOK