Paranatinga, 20 de Novembro de 2017

Polícia

Ladrão finge ser cliente e obriga funcionária a fazer sexo oral

CRIME SEXUAL EM LOJA | 07/11/2017 21:35:48


Um homem se passou por cliente para roubar uma loja de roupas e estuprar a funcionária de 19 anos, na manhã desta segunda-feira (6), no Bairro Jardim Imperial, em Cuiabá.

 

Segundo a Polícia Militar, o homem entrou no comércio por volta das 10h e pediu que a moça lhe mostrasse uma peça de roupa, dizendo que seria para presente.

 

O estuprador disse à vendedora que voltaria mais tarde e saiu do local.

 

Momentos depois, ele retornou e sacou uma arma, anunciando o assalto. O homem trancou a vítima no banheiro e exigiu que ela entregasse o dinheiro.

 

A todo o momento ele perguntava pela proprietária, porém ela não estava no local.

 

A jovem relatou aos policiais que escutou o criminoso fazendo uma ligação e dizendo que a dona não se encontrava.

 

Depois disso, o assaltante entrou no banheiro e obrigou que a funcionária tirasse as roupas.

 

Ele tocou nas partes íntimas da vítima e a obrigou a fazer sexo oral nele, enquanto a ameaçava de morte.

 

Em seguida, o homem revirou todo o local e levou uma bolsa contendo R$ 220 e um celular.

  

Testemunhas informaram à PM que viram o criminoso fugindo em uma moto Honda Biz de cor preta.

 

Nenhum suspeito foi identificado pela Polícia.

 

Fonte: Midia News

FACEBOOK