Paranatinga, 17 de Dezembro de 2018

Polícia

NO INTERIOR

Após fuga em massa, diretor da Cadeia de Poconé é exonerado

Publicado 11/01/2018 07:57:04


O diretor da Cadeia Pública de Poconé (100 km ao Sul de Cuiabá), Itamar Gonçalo da Costa, foi exonerado do cargo.

 

Conforme apurou a reportagem, Costa foi exonerado por causa da fuga em massa, que ocorreu na unidade prisional, no dia 15 de novembro de 2017.

 

A decisão do Governo - com validade no dia 7 de dezembro - é publicada na edição do Diário Oficial do Estado, que circula nesta quarta-feira (10).

 

O novo diretor da unidade é Silvio Roberto Alves, que exercia o cargo de subdiretor do Centro de Ressocialização, no bairro Carumbé, em Cuiabá.

 

A nomeação de Alves também é divulgada no DO desta quarta-feira.

 

A fuga

 

No total, 34 presos fugiram da Cadeia de Poconé, num final da tarde, no momento da chamada “tranca”, que é quando os detentos devem se recolher para suas celas, após o banho de sol.

 

Conforme a Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), os presos renderam um agente, tomaram a arma e fugiram em seguida.

 

Um dos agentes disparou com munição não letal, tentando impedir a fuga, mas os presos partiram para cima dele e o prenderam em uma das celas. 

 

Antes da fuga, os presos ainda roubaram armas e munições da unidade.

 

 

Fonte: Midia News

Publicidade Áudio

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE