Paranatinga, 21 de Agosto de 2019

Paranatinga

Polícia Militar

PARANATINGA: PM realizou o programa PROERD em várias escolas municipais

Publicado 09/08/2019 22:20:06


Paranatinga News

 

Nesta semana do dia 05/08/2019 a 09/08/2019 a Polícia Militar de Paranatinga realizou o projeto PROERD onde foram aplicada as lições do 3° ano do ensino fundamental que tem por objetivo tratar temas relativos à segurança pessoal, a prevenção as drogas, prevenção a violência e soluções de conflitos.

Expressar sentimentos de maneiras não saudáveis são combinados com aulas sobre estratégias de habilidade vitais como dizer não e controlar a raiva.

 

As lições foram aplicadas de forma lúdicas. 

 Escolas atendidas pelo programa foram as:

E.M RUI BARBOSA

E.M. CHAPEUZINHO VERMELHO

E.M 03 DE MAIO 

E.M 17 DE DEZEMBRO

 

No período matutino com os 3º A de cada escola e vespertino 3º B foram atendidos um total de 186 alunos da rede municipal e no final cada um deles recebeu seu certificado.

 

 *SD PM MARIO SERGIO*
    *Instrutor Proerd*

 

Parabéns a PM pelo trabalho que vem sendo realizado com este programa em nossa cidade.

 

Conheça mais:

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) consiste em uma ação conjunta entre o Policial Militar devidamente capacitado, professores, especialistas, estudantes, pais e comunidade, no sentido de prevenir e reduzir o uso indevido de drogas e a violência entre os estudantes. Neste contexto pode-se considerar o PROERD uma ferramenta adequada para ajudar no tratamento de conflitos nas escolas, disseminando a mediação, como prática preventiva no combate à violência escolar?

 A principal hipótese para responder a este questionamento afirma que a prevenção tem sido o foco do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD), disseminando a mediação escolar, e é sob esta ótica que tem sido compreendido até então. Apesar deste entendimento seu papel, entretanto, vai além da proposta de prevenção, auxiliando no tratamento e administração dos mais variados conflitos que atingem a comunidade escolar.

Para tanto, emprega-se o método de abordagem hipotético dedutivo e o método de procedimento monográfico, em razão da necessidade de compreensão teórica e doutrinária sobre o tema proposto, para, então, focar-se pontualmente os aspectos suscitados no problema.

(Unisc).

 

 

 

Fonte: Polícia Militar

Publicidade Áudio

Enquete

Você aprova ou não? Vereadores de MT tentam mudar nome de Portão do Inferno para Portal Paraíso

SIM

NÃO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE