Paranatinga, 11 de Dezembro de 2017

Paranatinga

Marquinhos vai atender reivindicações da Etnia Ikpeng nas margens do Rio Jatobá no Xingu

PREFEITURA DE PARANATINGA | 27/11/2017 15:31:43


Paranatinga News 

 

O prefeito Marquinhos recebeu em seu gabinete nesta segunda feira 27,  representantes da Aldeia Rawo da  Etnia  Ikpeng e trouxeram ao prefeito algumas reinvidicaçôes.

 

Entre as solicitações dentre elas a construção de novas salas de aula e um posto de saúde com mais medicamentos disponíveis para a comunidade. 

 

Essa Etnia esta localizada a 115 km a frente do Distrito Salto do Alegria e tem 47 familias ou seja a 315 km de Paranatinga.

 

Marquinhos já esta firmando uma parceria junto ao governo do estado para construção de salas de aula. No local já possui uma sala de aula, porém toda de madeira e não oferece a infraestrutura necessária, assim também como já possui um posto de saúde, mas o prefeito firmou com um compromisso de enviar mais medicamentos e melhorar a qualidade do atendimento.

 

Na Aldeia   tem enfermeiros indigenas que prestam serviços e atendem a comunidade.

 

Marquinhos também ja cobrou  da secretaria estadual de saúde indigêna uma reunião para que providências sejam tomadas e as condições possam melhorar para esta Aldeia no municpio.

 

Os indigênas também querem uma inclusão digital e solicitaram um ponto de internet. 

 

Marquinhos frisou que as reinvindicações que podem ser atendidas com urgêrncia serão automaticamente atendidas e  aquelas que demanda de parte burocrática esataremos buscando as soluções. 

 

Os Ikpeng vieram junto com outros indios desbravadores do Xingu na década de 20 e sempre estiveram em desarmonia com os desbravadores da região e vieram a ter  contatos  com a sociedade a partir da década de 60.  Com as doenças e disputas pelas terras a população foi muito reduzida e posteriormente foram tansferidos para os limites do parque do  Xingu  e depois pacificados.

 

A Aldeia fica nas margens do Rio Jatobá e ficam numa área praticamente isolada de outras comunidades indigênas.

 

 

Fonte: PREFEITURA DE PARANATINGA

FACEBOOK