Paranatinga, 27 de Julho de 2017

Paranatinga

Ações Integradas de Cidadania atendeu população de Paranatinga

SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

PARANATINGA | 03/07/2017 12:16:51


Serviços gratuitos como o de emissão de documentação básica, estética, massoterapia e oficina de artesanato compuseram a programação das Ações Integradas de Cidadania, em Paranatinga, realizada nesta sexta-feira (30 06). A atividade aconteceu durante todo o dia na Escola Estadual 29 de Junho. A ação é da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social ( Setas) com apoio de parceiros, como a Prefeitura de Paranatinga.

 

O titular da Setas Max Russi comentou que o Governo do Estado desenvolve projetos como as Ações Integradas de Cidadania e a Cavarana da Transformação para que todos os mato-grossenses tenham a mesma oportunidade de acesso à serviços básicos de saúde e cidadania. "Todas as semanas levamos essas ações em diversas cidades de Mato Grosso. Os serviços de cidadania conferem a dignidade à pessoas, além de permitir a inclusão das famílias em diversos programas sociais", destacou o secretário, que acompanhou as atividades.

 

A ação teve o apoio da Prefeitura Municipal, clube de serviços e também voluntários. "O governo tem compromisso com os que mais precisam de assistencia e demonstra nessas ações", complementa o prefeito de Paranatinga Josimar Marques Barbosa.

 

Maria Abadia, 67 anos foi ao evento acompanhada da filha Cintia José de 36 anos. As duas não se consideram vaidosas mas aproveitaram os serviços gratuitos de corte de cabelo e massoterapia realizados pelas parceria com a Escola Galvan de Cabeleireiro.

 

A idosa inclusive já esteve presente em outro programa social ofertado pelo Governo do Estado, a Caravana da Transformação. "Na Caravana que teve Jaciara eu operei a catarata nos dois olhos. Fui muito bem tratada e não tem como descrever o sentimento de enxergar bem de novo após anos vendo borrões".

 

Já Cintia, filha de Maria Abadia elogiou a inviciativa, "esse é o primeiro evento desse porte aqui em Paranatinga. E uma ação como essa tem muito mais valor que outro festejo que ocorre de vez em quando".

 

Quem também foi ao evento na companhia dos filhos foi Adriana Bueno de Oliveira 35 anos. A dona de casa tem três filhos biológicos de 22, 19, 17 e 15 anos e adotou outros três de 10, 5 e 3 da irmã. Adriana Bueno foi ao evento para solicitar o cartão SUS e cadastro no CadÚnico para os sobrinhos, no intuito de conseguir algum auxílio de complemento a principal renda da casa, proveniente do salário do marido que atua como operador de máquina em fazenda.

 

Um dos filhos biológicos de Adriana perdeu a certidão de nascimento e como foi registrado em Paranatinga, solicitou e retirou o documento no mesmo dia. O serviço foi prestado, sem custo, pelo Cartório daquele município.

 

Teve quem veio de longe para aproveitar os servicos de cidadania. Foi o caso de Robson Xavante. Ele viajou com a família da Aldeia Arimateia, cerca de 60 km do centro de Paranatinga para garantir a emissão de documentos. "Ficamos sabendo do evento pelo rádio então decidimos vir a cidade para fazer o cartão SUS e documento de identidade (RF) da minha esposa e filho de apenas um mês". Robson ainda aproveitou os serviços de apoio à emissão de documentação básica realizados por servidores da Setas, como fotocópias, plastificação e emissão de foto 3/4.

 

Na oficina de boneca de pano gerações se encontraram. Samaria Abreu de 11 anos que admiti costurar "meio bagunçado" produz o primeiro artesanato da vida, a boneca será um presente pra mãe. Já Maria Auxiliadora, 58, anos dona de casa foi até a ação para medir a glicemia que apresentou alteração nos últimos dias.

 

"Mudei a alimentação e emagreci fazendo caminhada. Agora tive a operosidade de cuidar da cabeça com a oficina de boneca que já pode ser uma renda extra. Eu já faço tapete de retalho e agora que aprendi percebi que consigo fazer boneca rapidinho", comenta a dona de casa.

 

 

Fonte: 24 HORAS NEWS

FACEBOOK