Paranatinga, 22 de Novembro de 2017

Mato Grosso

Governo confirma corrida pelo ouro em Pontes e Lacerda

| 13/10/2015


Governo confirma corrida pelo ouro em Pontes e Lacerda

Fotos mostram invasão de pessoas em área particular, após divulgação de que grande quantidade de ouro foi encontrada no local

Cerca de 600 pessoas invadiram uma área particular no município de Pontes e Lacerda (547 km de Cuiabá), após a divulgação de que uma grande quantidade de ouro foi encontrada no local.
 
A disseminação de fotos e vídeos nas redes sociais teria colaborado para que a invasão ao local fosse ainda maior.
 
Uma fonte do Governo do Estado confirmou a invasão na área e disse que providências já estão sendo tomadas.
 
Segundo apurou a reportagem, o Exército Brasileiro também já está a par dos acontecimentos e prepara uma operação para a retirada dos invasores.
 
Há o receio, por parte das autoridades, que a “febre do ouro” cause uma onda de violência e desordem no local, como aconteceu na década 80, em Serra Pelada, localizada no estado do Pará.
 
Uma fonte disse à reportagem que, a maior parte das fotos e vídeos que estão sendo postadas nas redes sociais, de fato é do local.
 
Provavelmente, as mesmas estariam sendo compartilhadas por grupos que chegaram primeiro à região e teriam interesse de que novas pessoas cheguem ao local, com objetivo de “ganhar dinheiro em cima disso”.
 
Essas mesmas pessoas, no entanto, também estariam “espalhando” fotos que não são verdadeiras, com objetivo de estimular a corrida ao local.
 
Há comentários inclusive, dando conta de que alguns pedaços de terra já estariam sendo comercializados na área.
 
Monitoramento
 
Por meio de nota, o Governo do Estado confirmou que a situação está sendo monitorada.
 
O documento citou também, que o Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) está a par da situação, mas que, até o momento, não há registro de crime que exija a atuação do Grupo no local.
 
Confira nota na íntegra:
 
"O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), informa que está monitorando a situação de um garimpo na cidade de Pontes e Lacerda. A secretaria foi informada pelas autoridades locais da crescente chegada de garimpeiros na região, em busca de ouro.

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) também está atento à situação, para preservar a ordem pública e prevenir qualquer conflito na região, localizada na divisa com a Bolívia. No entanto, até o momento não foi registrado nenhum crime transfronteiriço que exija a atuação do Gefron no local.

O governo informa ainda que outras secretarias devem acompanhar a situação e atuar no caso".
 
Abn

Fonte:

FACEBOOK