Paranatinga, 24 de Abril de 2019

Mato Grosso

PREJUÍZO DE R$ 154 MIL

Católicos de MT sofrem golpe e perdem viagem para ver o papa

Publicado 21/01/2019 23:28:15


REDAÇÃO

Um grupo de jovens católicos de Sinop teve frustrado o sonho de ver de perto o papa Francisco. Eles viajariam nesta segunda-feira (21) para o Panamá, onde acontece a Jornada Mundial da Juventude, mas receberam a notícia de que as passagens que tinham pago não foram compradas pela agência.

 

Vinte e duas pessoas pagaram cerca de R$ 7 mil para participar do evento católico, que acontece entre terça-feira (22) e domingo (27), com a presença do papa. O pacote, de R$ 5 mil, incluía passagens de Cuiabá, com escala em Guarulhos (SP), até o Panamá, além de alojamento e alimentação.

 

Os jovens também gastaram cerca de R$ 2 mil com outras despesas, como as viagens entre Sinop e Cuiabá.

 

Segundo o padre Wender Souza dos Santos, um grupo aplicou um golpe na agência de viagens contratada, com sede em Goiânia (GO).

 

“Uma mulher chamada Joana se passou por representante de uma companhia aérea onde foram compradas as passagens e feitos os contratos. Mas no momento de emitir os bilhetes, a companhia aérea alegou que essa mulher não fazia parte da empresa”, explicou o padre ao MidiaNews.

 

Diante disso, a agência de turismo de Goiânia se responsabilizou e informou que deve devolver os valores pagos em até 60 dias. Ainda conforme Wender, a agência registrou um boletim de ocorrência e está preparando uma ação na Justiça.

 

O padre também contratou um advogado, que está responsável por resolver a situação.

 

“Todos os recibos e contratos estão comigo porque eu sou o responsável por conduzir o grupo”, afirmou.

 

Frustração

 

A mobilização para a viagem internacional começou há um ano e meio. Primeiro, os jovens iriam para o México, no dia 16 de janeiro, e depois seguiriam para o Panamá. 

 

“A nossa viagem era para ter acontecido no dia 16 de janeiro. Na véspera nós recebemos a notícia de que teria que mudar a data porque tinha havido um problema com a empresa”, relatou Antônio Lima, de 25 anos, um dos membros do grupo de católicos.

 

Com isso, o padre decidiu alterar a rota da viagem, que passou a ser apenas para o Panamá, ficando o México de fora do roteiro. A nova data de embarque seria nesta segunda (21). Porém, houve nova frustração.

 

"Como eu estava tendo dificuldades para emitir esses bilhetes por causa desse golpe, eu decidi que seria melhor não ir mais para essa jornada. Como eu fiquei inseguro com tudo isso, pedi para cancelar. Eu conversei com a empresa e ela falou que recebeu o calote”, revelou Wender.

 

Com o golpe, o padre também foi prejudicado. Ele faria a viagem com o dinheiro do próprio bolso, mas precisou cancelar para ajudar o grupo.

 

“A minha responsabilidade era conduzir o grupo para a jornada e acompanhá-lo. Eu cancelei a minha viagem particular, que eu ia por conta própria, para estar cuidando desse grupo e também entrei no prejuízo”, afirmou.

 

Com a notícia, os jovens ficaram desolados, pois muitos tinham o sonho de conhecer o líder católico, além de ser a primeira viagem para o exterior.

 

“Foi mais de um ano e meio de preparação. Tem toda aquela esperança, aquela expectativa de primeira viagem internacional. Estávamos muito animados. Mas ficamos bastante chateados”, pontuou Antônio.

 

A reportagem tentou contato com a agência de turismo contratada pelo grupo, mas não foi atendida.

 

 

Fonte: Mídia News

Publicidade Áudio

Enquete

Prefeitura e Câmara de Paranatinga lança Consulta Pública - UNEMAT

ADMINISTRAÇÃO

AGRONOMIA

PEDAGOGIA

TURISMO

CIENCIA DA COMPUTAÇÃO

CIÊNCIAS ECONÔMICAS

ENGENHARIA CIVIL

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ENGENHARIA ELÉTRICA

FISICA

JORNALISMO

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ARQUITETURA E URBANISMO

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

EDUCAÇÃO FÍSICA

ENGENHARIA DE ALIMENTOS AGROINDUSTRIAL

ENGENHARIA FLORESTAL

GEOGRAFIA

LETRAS

QUIMICA

SOCIOLOGIA

ZOOTECNIA

AGROECOLOGIA

ARTES VISUAIS

CIÊNCIAS

ENFERMAGEM

FILOSOFIA

HISTÓRIA

MATEMÁTICA

SISTEMAS

TEATRO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE