Paranatinga, 25 de Abril de 2019

Judiciário

OPERAÇÃO “PÃO E CIRCO”

Alvo do Gaeco receberia R$ 946 mil para projeto na Salgadeira

Publicado 22/05/2018 12:54:16


A Associação Casa de Guimarães – investigada na Operação Pão e Circo por desvio de dinheiro público - foi contemplada por um convênio de R$ 946 mil com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) de Mato Grosso na última quinta-feira (17).

 

O extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial de Contas. Nele, ficou estabelecido que a entidade realizaria diversas atividades culturais no Complexo da Salgadeira, na Rodovia Emanuel Pinheiro.

 

As sedes da Casa de Guimarães, em Cuiabá e Chapada do Guimarães (67 km ao Norte de Cuiabá), foram alvo de busca e apreensão pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) na manhã desta terça-feira (22).

 

A operação visa obter provas para subsidiar as investigações em curso e desarticular suposta organização criminosa instalada para desviar recursos públicos em contratos firmados entre a associação e Governo, entre os anos de 2011 a 2018.

 

O projeto deveria ser executado até agosto (por três meses) e custeado com recursos oriundos de emendas parlamentares. Na publicação oficial não está especificado o serviço que a associação prestará. 

 

Solicitado pelo MidiaNews, a Casa de Guimarães informou que o serviço consiste em  “manter a limpeza e manutenção do espaço, como também implementação de ações de educação ambiental e patrimonial”.

 

Com o processo, a Casa de Guimarães ficaria responsável pela administração de uma sala de atendimento ao turista, sala de exposição, sala do dinossauro, espaço para feira gastronômica e de artesanatos e uma brinquedoteca.

 

Apenas entre 2015 e 2018, segundo dados do Fiplan (Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças de Mato Grosso), os empenhos do Governo do Estado relacionados à Associação somam R$ 16.687.209,93.

 

O projeto

 

Conforme divulgado pela Casa de Guimarães, na sala de exposição que deve ser implantada pela associação haverá a exposição fotográfica de arte rupestre. Neles, terão registros fotográficos sobre as pinturas e gravuras rupestres encontradas em Mato Grosso. Com imagens obtidas por meio de expedições científicas, registradas pelo fotógrafo Mario Friedlander.

 

Já na sala do dinossauro, o projeto prevê uma réplica em 3D do dinossauro Pycnonemosaurus nevesi, a ossada do dinossauro foi encontrada em Chapada dos Guimarães há 50 anos. Nesta sala deverá ter informações sobre a espécie e a descoberta de fósseis na região.

 

Consta no projeto o espaço para Feira Gastronômica e de Artesanatos, onde serão comercializados artigos produzidos por artesãos locais e produtos da culinária regional. 

 

Há ainda a brinquedoteca e a sala de atendimento ao turista.

 

Inauguração da Salgadeira

 

Fechado há cerca de sete anos, o Complexo Salgadeira estava planejado para ser entregue à população no dia 8 de abril, mas a inauguração foi adiada. Em seguida, uma nova data foi marcada: 22 de abril. Entretanto, o Governo novamente adiou a inauguração.

 

 

Fonte: Midia News

Publicidade Áudio

Enquete

Prefeitura e Câmara de Paranatinga lança Consulta Pública - UNEMAT

ADMINISTRAÇÃO

AGRONOMIA

PEDAGOGIA

TURISMO

CIENCIA DA COMPUTAÇÃO

CIÊNCIAS ECONÔMICAS

ENGENHARIA CIVIL

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ENGENHARIA ELÉTRICA

FISICA

JORNALISMO

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ARQUITETURA E URBANISMO

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

EDUCAÇÃO FÍSICA

ENGENHARIA DE ALIMENTOS AGROINDUSTRIAL

ENGENHARIA FLORESTAL

GEOGRAFIA

LETRAS

QUIMICA

SOCIOLOGIA

ZOOTECNIA

AGROECOLOGIA

ARTES VISUAIS

CIÊNCIAS

ENFERMAGEM

FILOSOFIA

HISTÓRIA

MATEMÁTICA

SISTEMAS

TEATRO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE