Paranatinga, 16 de Outubro de 2018

Geral

Dois são presos por matarem taxista e enviarem fotos à família

DEGOLADO | 18/04/2018 11:16:15


A Polícia Civil prendeu nesta quarta-feira (18) dois suspeitos de terem degolado o taxista Douglas da Silva Dantas, de 34 anos.

 

Segundo os investigadores, uma terceira pessoa também estava com mandado de prisão decretado, porém já está morta.

 

Douglas foi executado em agosto de 2017. Na ocasião, os criminosos ainda enviaram à família da vítima fotos e vídeos do homicídio. Os executores se identificaram como membros da organização criminosa Comando Vermelho.

 

O corpo de Douglas foi encontrado próximo a uma lagoa em um aterro sanitário. Ele estava degolado e com diversas perfurações pelo corpo.

 

O corpo do taxista estava ao lado de um Gol vermelho, com placas de Cuiabá, quando foi localizado por uma equipe da PM.

 

Ele foi encontrado após denúncia feita por familiares - entre eles, a esposa, o pai e o irmão -, que informaram ter recebido fotos e vídeo do crime.

 

“Primeiro, mandaram umas fotos dele amarrado; depois, mandaram outra, praticamente decapitado. O irmão dele foi à delegacia pedir apoio para as buscas”, disse um policial militar, que pediu para não ser identificado.

 

 

Fonte: Midia News

Rádios

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE