Paranatinga, 20 de Abril de 2019

Fato ou Fake

#FAKE

É #FAKE mensagem que diz que eleitor pode votar mesmo se não tiver feito biometria obrigatória

Publicado 02/10/2018 23:04:28


 

 

Circula nas redes sociais uma mensagem que diz que o eleitor pode votar mesmo que não tenha feito a biometria. O post é #FAKE. Nas cidades em que houve a biometria obrigatória, o não comparecimento fez com que o título eleitoral tenha sido cancelado, deixando o eleitor impedido de votar.

 

 

Fake — Foto: Foto G1

De acordo com informações do Tribunal Superior Eleitoral, quem perdeu o prazo para fazer a biometria nos estados em que ela é obrigatória não pode votar nas eleições de 2018.

 

 

O cadastramento biométrico foi considerado obrigatório para eleitores em 2.800 municípios do país, segundo o TSE. O prazo para regularização foi até o dia 9 de maio. Porém, cerca de 3,6 milhões de brasileiros de 862 cidades tiveram o título cancelado por não fazer o cadastro.

É possível consultar a situação do seu título de eleitor no site do TSE.

Segundo o TSE, se o título foi cancelado, o eleitor só poderá regularizar a situação eleitoral após as eleições deste ano. Isso porque o cadastro eleitoral não pode ser alterado no período de 10 de maio a 4 de novembro de 2018. O cadastro eleitoral vai ser reaberto em 5 de novembro.

Apesar de o PSB ter entrado com um pedido no Supremo Tribunal Federal para que os eleitores fossem liberados a votar, na última quarta-feira (26) o STF manteve a proibição por 7 votos a 2.

No total, 73,7 milhões de pessoas, 50% do eleitorado apto, vão votar usando a biometria nas eleições de 2018.

 

 

Cidades em que a biometria não é obrigatória

 

Nas cidades em que a biometria não é obrigatória, o eleitor pode votar, mesmo que ainda não tenha feito o cadastramento das digitais. Nesse caso, a identificação do eleitor será com documento oficial de identificação com foto.

 

O que é a biometria?

 

O cadastramento biométrico tem o objetivo de fazer a identificação e verificação biométrica da impressão digital do eleitor. A ideia é ter mais segurança e evitar fraudes. No Brasil, a emissão de passaporte, de carteiras de identidade e o cadastro das Polícias Civil e Federal contam com sistemas biométricos. A coleta das digitais dura poucos segundos. Além disso, é tirada uma fotografia e cadastrada a assinatura digitalizada.

 

 

Veja o texto da mensagem falsa:

 

REPASSEM AO MÁXIMO DE PESSOAS:
Não há impedimento ao voto, em caso de não ter feito a biometria!

Estão fazendo isto pra que os que não fizeram não compareçam à votação. Mas estaremos todos lá, devidamente credenciados, precisando só levar documento com foto, conforme o previsto na legislação! A conversa sobre impedimento é pra afastar os mais humildes e com menos acesso à informação, da votação... o voto é direito que não se perde por conta desta medida. Não há legislação acima do direito ao voto, que o condicione à biometria.

 

AOS QUE NÃO FIZERAM A BIOMETRIA, BASTA COMPARECER À ZONA ELEITORAL, MUNIDO DE DOCUMENTO, COM FOTO E PROCEDER À VOTAÇÃO. SE FOR IMPEDIDO, EXIJA A DETERMINAÇÃO JUDICIAL!

 

Fonte: G1

Publicidade Áudio

Enquete

Prefeitura e Câmara de Paranatinga lança Consulta Pública - UNEMAT

ADMINISTRAÇÃO

AGRONOMIA

PEDAGOGIA

TURISMO

CIENCIA DA COMPUTAÇÃO

CIÊNCIAS ECONÔMICAS

ENGENHARIA CIVIL

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ENGENHARIA ELÉTRICA

FISICA

JORNALISMO

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ARQUITETURA E URBANISMO

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

EDUCAÇÃO FÍSICA

ENGENHARIA DE ALIMENTOS AGROINDUSTRIAL

ENGENHARIA FLORESTAL

GEOGRAFIA

LETRAS

QUIMICA

SOCIOLOGIA

ZOOTECNIA

AGROECOLOGIA

ARTES VISUAIS

CIÊNCIAS

ENFERMAGEM

FILOSOFIA

HISTÓRIA

MATEMÁTICA

SISTEMAS

TEATRO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE