Paranatinga, 14 de Novembro de 2018

Esportes

Djokovic dividirá o Grupo Guga Kuerten do ATP Finals com Zverev, Cilic e Isner

TÊNIS INTERNACIONAL | 08/11/2018 09:43:49


 

O sorteio das chaves do ATP Finals foi realizado nesta segunda-feira, em Londres, onde ficou definido que o sérvio Novak Djokovic, novo líder do ranking mundial, integrará o Grupo Guga Kuerten. A chave que homenageia o ex-tenista brasileiro também contará com o alemão Alexander Zverev, o croata Marin Cilic e o norte-americano John Isner.

 

Djokovic reassumiu o posto de número 1 do mundo justamente nesta segunda, ultrapassando o espanhol Rafael Nadal, que alegou dores abdominais e uma cirurgia no tornozelo para ficar de fora do torneio que reúne os oito melhores jogadores do ano, na capital inglesa, entre os próximos dias 11 e 18.

 

Campeão da grande competição que fecha a temporada em três ocasiões, nos anos de 1988, 1992 e 1995, o alemão Boris Becker participou do sorteio desta segunda-feira, no qual também foi determinado que o suíço Roger Federer vai encabeçar o Grupo Lleyton Hewitt. Ele lutará por uma das duas vagas nas semifinais em uma chave que terá ainda o sul-africano Kevin Anderson, o austríaco Dominic Thiem e o japonês Kei Nishikori.

 

Principal favorito ao título e vice-campeão do Masters 1000 de Paris no último domingo, quando foi surpreendido pelo russo Karen Khachanov na decisão, Djokovic medirá forças com os atuais quinto colocado (Zverev), sétimo (Cilic) e décimo (Isner) na primeira fase do ATP Finals.

Isner, por sua vez, herdou justamente nesta segunda a vaga de Nadal. Ele entrou na competição como número 10 do mundo também pelo fato de que o argentino Juan Martín del Potro, quarto colocado da ATP, é outro que não atuará no importante torneio por motivo de lesão.

 

Eliminado por Djokovic na semifinal de Paris no último sábado, Federer será o grande favorito de uma chave na qual terá pela frente o atual sexto do ranking (Anderson), Thiem (o oitavo) e Nishikori (o nono).

No retrospecto de duelos com os rivais desta primeira fase do ATP Finals, Djokovic só não leva vantagem sobre Zverev, com uma vitória para cada lado até hoje. Já contra Cilic ele defenderá uma supremacia de 16 triunfos em 18 duelos, enquanto diante Isner o tenista de Belgrado ganhou oito das dez partidas entre os dois.

 

Federer, por sua vez, defenderá vantagens no retrospecto contra dois dos seus três adversários no estágio inicial da competição. São quatro vitórias e uma derrota em cinco jogos com Anderson e sete triunfos em nove embates com Nishikori. Porém, foi superado em dois dos três confrontos que travou com Thiem até hoje.

 

Homenageado nesta edição do ATP Finals, o brasileiro Guga se sagrou da competição em 2000, em Lisboa, quando a mesma era chamada de Masters Cup. Já Hewitt faturou o evento nos dois anos seguintes, em Sydney-2001 e

Xangai-2002. Como aconteceu nos nove anos anteriores, esta edição do torneio ocorrerá na O2 Arena, em Londres.

 

 

Fonte: terra

Rádios

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE