Paranatinga, 19 de Novembro de 2017

Eleições

Justiça Eleitoral investiga vereador que usou imagem de Jajah Neves ao invés da própria foto em “santinhos”

ELEIÇÕES | 04/10/2016 00:19:08


A justiça eleitoral apura deste o último domingo (02), por meio de investigação em trâmite na 58ª Zona Eleitoral de Várzea Grande, a distribuição de “santinhos” do candidato a vereador Ademar Jajah (PSDB) que utilizou em seu material de campanha a foto do apresentador de televisão Jajah Neves. 

De acordo com o promotor eleitoral José Ricardo Costa Mattoso, a fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) recolheu panfletos do candidato na Escola Estadual Fernando Leite, na avenida Alzira Santana em Várzea Grande. O material, segundo o promotor, foi distribuído no colégio eleitoral nos dia da eleição, o que configura crime eleitoral. 

Nas imagens de santinhos recolhidas pela população e pela Justiça Eleitoral a foto do candidato é substituída pela do apresentador Jajah Neves (PDT). Em relação a utilização da foto do apresentador Jajah Neves no local onde naturalmente estaria a foto do verdadeiro candidato, o promotor não soube informou se a atitude representa crime eleitoral ou não e lembrou que a apuração do caso também vai lidar com a questão da “montagem” da foto do vereador. 

Ademar Jajah foi eleito no último domingo (02) com 2.436 votos. O número equivale a 1,89 % dos votos apurados. O novo vereador é irmão do apresentador de televisão Jajah Neves. Além de apresentar um programa televisivo, Jajah Neves também é suplente do deputado estadual afastado Wilson Santos (PSDB).
 

 

Fonte: Olhar jurídico

FACEBOOK