Paranatinga, 16 de Agosto de 2018

Ecônomia

MT fecha 2017 com arrecadação recorde de R$ 25,5 bilhões

BALANÇO | 12/03/2018 18:05:30


A Assembleia Legislativa realiza amanhã (13) audiência pública para discutir os números financeiros arrecadados durante o terceiro quadrimestre de 2017. O debate, mais conhecido como metas fiscais do governo do estado, será às 14 horas no auditório Milton Figueiredo.

 

De acordo com o Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças (Fiplan), Secretaria Adjunta do Tesouro do Estado, a arrecadação bruta em 2017 acumulou um montante de R$ 25,536 bilhões.

 

No total líquido (com as deduções constitucionais das receitas), o valor final ficou em R$ 18,133 bilhões.

 

Para explicar esses números arrecadados pelo Estado no 3º quadrimestre de 2017, a Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária convidou a equipe econômica da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz). Provavelmente a explicação deve ser feita pelo secretário Rogério Luiz Gallo.

 

Na última apresentação, do segundo quadrimestre de 2017 – janeiro a agosto, o Estado havia arrecadado o montante de R$ 12,631 bilhões.

 

À época, os números apresentados pelo ex-secretário de Fazenda, Gustavo de Oliveira, a receita ficou abaixo do previsto inicialmente pela Lei Orçamentária Anual (LOA/2017) em 7,4%, o equivalente a R$ 13,643 bilhões.

 

Mas, de acordo com o site impostômetro.com.br, o Estado de Mato Grosso arrecadou durante todo o ano de 2017 – 1º de janeiro a 31 de dezembro – o valor de R$ 27.887.131.257 bilhões.

 

Vale lembrar que essa arrecadação é referente a tributos federais, estaduais e municipais.

 

Nesse período, a arrecadação de Mato Grosso representou 1.25% do total arrecadado no Brasil nesse mesmo período, que foi de R$ 2.172.053.819.242,78 trilhões.

 

Fonte: Midia News

Rádios

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE