Paranatinga, 19 de Abril de 2019

Cidades

PERIGO

Produtora cultural morre em Cuiabá vítima de chikungunya; número de casos aumentou 260% em um ano

Publicado 19/10/2018 13:48:34


 

 

Uma mulher de 35 anos morreu nessa quarta-feira (17) em Cuiabá vítima de chikungunya.

 

A produtora cultural Naiane Vidal ficou internada por 23 dias em um hospital da capital, mas não resistiu à doença, que é transmitida pelo mosquito aedes aegypit, mesmo transmissor da dengue e da zika.

Segundo os médicos, a chikungunya pode se manifestar em vários níveis de gravidade.

 

Segundo o Ministério da Saúde, Mato Grosso está em primeiro lugar no país em registros de chikungunya.

 

Do ano passado até agora, o número de casos da doença aumentou quase 260%. 

 

Durante todo o ano de 2017, foram 3.942 casos, contra 14.083 este ano, entre janeiro e setembro. 

 

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) vai promover cursos de capacitação para médicos e enfermeiros e distribuir kits de testes rápidos para identificação da dengue e da chikungunya.

 

 

Fonte: G1

Publicidade Áudio

Enquete

Prefeitura e Câmara de Paranatinga lança Consulta Pública - UNEMAT

ADMINISTRAÇÃO

AGRONOMIA

PEDAGOGIA

TURISMO

CIENCIA DA COMPUTAÇÃO

CIÊNCIAS ECONÔMICAS

ENGENHARIA CIVIL

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ENGENHARIA ELÉTRICA

FISICA

JORNALISMO

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ARQUITETURA E URBANISMO

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

EDUCAÇÃO FÍSICA

ENGENHARIA DE ALIMENTOS AGROINDUSTRIAL

ENGENHARIA FLORESTAL

GEOGRAFIA

LETRAS

QUIMICA

SOCIOLOGIA

ZOOTECNIA

AGROECOLOGIA

ARTES VISUAIS

CIÊNCIAS

ENFERMAGEM

FILOSOFIA

HISTÓRIA

MATEMÁTICA

SISTEMAS

TEATRO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE