Paranatinga, 12 de Dezembro de 2019

Cidades

Mulher que estava grávida

Mulher que estava grávida acusa hospital pela morte de seu bebê

Publicado 27/11/2019 14:25:33


 

 

 

Fernanda Schiavo que estava grávida de 6 meses, denunciou o hospital São Luiz de Cáceres, por negligência médica após a morte do seu bebê. A mulher alega que esperou horas por atendimento de um médico especialista, que devido a demora acarretou na morte do seu filho.

Fernanda Schiavo e Wesley Ferreira, que são de Mirassol D'Oeste, relataram que como na cidade onde residem não havia um obstetra de plantão, acabaram se deslocando até Cáceres, onde foi realizado um ultrassom e constatado que o colo do útero estava fechado e os médicos não conseguiam encontrar o motivo do sangramento.

Após o atendimento, Fernanda acabou indo para casa, porém após alguns dias passou mal novamente e foi levada ao hospital. Ela chegou a ser internada, porém nenhum médico obstetra a atendeu e após algumas horas o bebê acabou vindo a óbito.

Em exames foi constatado que o cordão umbilical tinha enrolado no pescoço dela [bebê] e deu um nó. A família relatou ainda que devido ao problema com o cordão umbilical, mas o parto foi normal. Diante disso, o casal decidiu por denunciar o caso.

 

 

Fonte: Nortao Notícias

Publicidade Áudio

Enquete

Oque você mais deseja para o ano de 2020?

ALEGRIA

PAZ

FELICIDADE

PROSPERIDADE

SAÚDE

HUMANIDADE

RESPEITO

AMOR

DIGNIDADE

COMPAIXÃO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE