Paranatinga, 22 de Outubro de 2018

Cidades

Homem denuncia crime ambiental e propina praticados entre a UHE Sinop e SEMA

MEIO AMBIENTE | 08/08/2018 10:14:14


Um morador  registrou uma denúncia recentemente contra a Usina Hidrelétrica Sinop informando sobre várias práticas desonestas praticadas pela direção da UHE SINOP, onde o objetivo principal é adquirir dinheiro, sem se importar com a vida animal e humana.

"Venho por meio dessa recorrer a todos vocês para denunciar o crime ambiental que está sendo praticado na UHE SINOP, sendo que faço essa denúncia pelo meu senso de responsabilidade ambiental, pois se não o fizesse ficaria com a minha consciência pesada perante a minha cidade SINOP, e a minha família e todos que poderão vir a sofrer diretamente com isso".

O denunciante aponta que o erro principal foi a SEMA ter permitido o enterro de madeira, para a finalização rápida dos serviços, sem maiores gastos, não se importando com o meio ambiente.

Na denúncia consta ainda que para diminuir os custos foi feito uma supressão vegetal em mais de 12 mil hectares, no qual a SEMA foi convencida através de propina. 

" Caso isso ocorra, as consequências serão de grande mortalidade de peixes, uma vez que essa vegetação apodrecida em baixo da água libera toxinas e outros gases na água, que fará estragos imensuráveis a fauna e flora local". 

O denunciante que não quis ser identificado relatou que irá denunciar aos órgãos municipais, estaduais, federais, órgãos de controle ambientais, e outros. Imprensa nacional, órgãos judiciais e outros, até que algo seja feito a respeito.

 

Fonte: Nortao Noticias

Rádios

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE