Paranatinga, 20 de Setembro de 2019

Cidades

SAÚDE

Governo de Mato Grosso retoma transplantes de rins

Publicado 04/09/2019 11:59:48


DA REDAÇÃO 

O Governo de Mato Grosso vai retomar ainda este ano as cirurgias de transplante renal. O anúncio foi feito pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes em sua rede social, nesta terça-feira (03.09). O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, vem cuidando há meses do assunto e convidou a primeira-dama para ser a madrinha da causa.

 

De acordo com Gilberto Figueiredo, os procedimentos documentais já foram protocolados no Ministério da Saúde e a Secretaria de Saúde trabalha intensamente para buscar todas as liberações necessárias para reiniciar os trabalhos ainda este ano.

 

Sensível à causa, justamente por ser transplantada renal há quase cinco anos, a primeira-dama prontamente se colocou à disposição para auxiliar o secretário nas ações e tratativas necessárias para que o Estado comece a realizar ainda este ano os primeiros transplantes.

 

“Como transplantada renal há quase 5 anos e por conta de todo meu envolvimento com esta importante e sensível questão assumo como madrinha o projeto, que será brilhantemente conduzido pelo nosso secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo e toda sua equipe. Eu sei a luta que é enfrentar uma hemodiálise, passar três dias da semana conectada em ma máquina e os outros dias sofrer com enjoos, dores, mal estar e todas as reações. Já passei por isso e desde que assumimos a gestão do Governo venho intercedendo em relação à retomada destas cirurgias na rede de saúde estadual. E com a graça de Deus, muito empenho e trabalho sério até o final do ano estaremos realizando estas cirurgias”, destacou a primeira-dama.

 

Em Mato Grosso, há aproximadamente 1.800 pacientes fazendo hemodiálise. Os dados são de que 50% tenham indicação para o transplante renal. Contudo, o percentual só pode ser confirmado após a avaliação da equipe da Central Estadual de Transplante da Secretaria de Estado de Saúde.

 

Segundo o secretário Gilberto Figueiredo, a Central já iniciou um processo de acompanhamento ambulatorial que está quantificando o número de pacientes que vão fazer parte da lista de seleção para realizar a cirurgia de transplante.

 

“Já iniciamos o acompanhamento ambulatorial e nos próximos dias vamos iniciar a listagem de pacientes, colocar todos no cadastro técnico para que eles possam de fato ser selecionados para um transplante na situação em que houver órgãos disponíveis. A retomada dos procedimentos de transplante de rins é uma grande conquista não apenas para SES, mas principalmente para o Estado, pois este serviço foi interrompido há 10 anos. Além disso, com essa retomada, teremos uma grande economia para o Estado, pois um dos maiores valores é o gasto com transporte de pacientes para fora de Mato Grosso”, pontuou o secretário.

 

A primeira-dama Virginia Mendes também reforçou na sua mensagem a importância de se trabalhar com ações de conscientização sobre a doação de órgãos.

 

“Milhares de pessoas tiveram a oportunidade de renascer graças a doação de um órgão ou tecido. Eu sou uma delas. Por uma benção de Deus, meu marido foi compatível e me doou um dos seus rins. Hoje estou aqui, saudável e batalhando graças ao maior gesto de amor que alguém poderia ter por mim. E ele segue a vida dele normalmente, saudável e sabendo que uma parte dele ajudou a salvar a minha vida. Agradeço muito a Deus e ao marido por ter doado um dos seus rins. No caso do transplante de rins é possível a doação em vida. Mas em outros casos não, cada situação é única, mas caso você queria ser doador converse com sua família e expresse seu desejo ainda em vida. Você pode ser o anjo na vida de alguém”, reforçou a primeira-dama.

 

 

 

Fonte: Midia News

Publicidade Áudio

Enquete

Você é a favor ou contra privatização da MT 130 entre Primavera do Leste a Paranatinga

A FAVOR

CONTRA

INDEFINIDO

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE