Paranatinga, 21 de Fevereiro de 2019

Cidades

SODA CAUSTICA

Bebê de um ano que teria ingerido soda cáustica recebe alta após 16 dias internados

Publicado 10/02/2019 15:03:09


O bebê de um ano internado no Pronto-Socorro Municipal (PSM) no dia 21 de janeiro, após supostamente ter ingerido soda cáustica na residência onde mora com os pais, no bairro Cinturão Verde, em Cuiabá, recebeu alta hospitalar na última quarta-feira (6). O Conselho Tutelar acompanha o caso e a Promotoria da Infância e Juventude deverá decidir se os pais irão continuar com a guarda da criança.

De acordo com a assessoria do Pronto-Socorro, a criança recebeu alta no ultimo dia 6 de fevereiro, mas não soube informar se o bebê voltou para a casa onde residia com os pais ou se foi encaminhado para um abrigo de menores.

A Promotoria de Infância e Juventude também emitir parecer para definir se a criança poderá ficar com a família biológica ou ser encaminhada para a adoção. O processo é elaborado com base no relatório do Conselho Tutelar que entrevistou os pais da criança, além de outros parentes.
 
Entenda o caso

A Polícia Militar foi acionada para verificar uma situação de uma criança que teria dado entrada na Policlínica do Pedro 90, no dia 21 de janeiro, com suspeita de ter ingerido soda cáustica. Na unidade de atendimento, a médica que relatou que a mãe, L.O.S., de 31 anos, deu entrada com a criança dizendo que o menino se engasgou com espinha de peixe, porém logo em seguida o pai chegou, muito nervoso, e disse que um vizinho viu a criança ingerindo soda cáustica.

Os militares se deslocaram até o endereço da vítima, onde encontraram os pais da criança com sinais de terem ingerido bebida alcoólica. Eles ficaram exaltados e agressivos e se negavam a prestar socorro à criança. A mãe e o menino foram levados para a UPA do bairro Pascoal Ramos, onde foi realizado atendimento preliminar da vítima.

Por conta do estado de saúde, ela teve que ser encaminhada ao Pronto-Socorro de Cuiabá, para confirmação do diagnóstico do que de fato ocorreu com a criança.
A equipe do Conselho Tutelar do Pedra 90 foi acionada para acompanhar a criança, que permaneceu sob cuidados médicos no Pronto-Socorro.

 

Fonte: olhardireto

Publicidade Áudio

Enquete

Como você avalia os primeiros 30 dias de Bolsonaro

Bom

Ruim

Péssimo

Excelente

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE