Paranatinga, 18 de Agosto de 2018

Agronegócios

Agricultura familiar foi responsável por R$ 80 mi em financiamentos em MT; 40 mil produtores foram atendidos

AGRICULTURA FAMILIAR | 14/01/2018 22:16:47


Pequenos agricultores financiaram R$ 80 milhões em recursos para investimento e custeio, nas linhas de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) em 2017. Os dados são da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), que divulga as principais informações sobre as ações e serviços que atingiram 128 municípios do Estado. No total foram atendidos 40.210 produtores entre mulheres rurais, indígenas, quilombolas e jovens rurais no ano de 2017.

De acordo com a Empaera, Na área da pesquisa foram implantados 94 Unidades Tecnológicas, 61 experimentos de pesquisa e 33 unidades de validação. Para acessar o crédito rural e as políticas públicas em 137 municípios foram emitidas 10.195 Declarações de Aptidão do Pronaf (DAP) e elaborados 1.814 projetos, somente do Pronaf foram contratados 927 projetos no valor de mais de R$ 32 milhões. Ainda no mesmo ano foi celebrado o Termo de Cooperação com Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) autorizando a Empaer a emitir DAP para agricultores familiares assentados.

O presidente do órgão, Layr Mota da Silva, explica que o Estado autorizou a contratação de 115 técnicos, o que representou um incremento de 30 por cento da força de trabalho existente no segmento de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), sendo eles contratados no período de julho a outubro/2017. Esse acréscimo oportunizou a ampliação da força de trabalho em 72 unidades operativas, a reabertura de oito unidades, a abertura de mais nove unidades operativas locais e consequentemente, o aumento da abrangência dos agricultores familiares assistidos pelos serviços de ater.

Assim, mesmo diante da crise financeira foram entregues 17 veículos para os escritórios locais e nove caminhonetes zero km aos escritórios regionais. A empresa ainda formalizou parcerias com 40 municípios por meio de acordos de Cooperação Técnica, o que facilitou o acesso do agricultor familiar aos projetos de pesquisa e serviços de Ater. “Isso significa mais condições de trabalho para os técnicos, e também um melhor atendimento das demandas das famílias rurais, melhorando assim a qualidade de vida dos agricultores deste Estado”, enfatiza.

Para facilitar o acesso da informação pelo produtor e pela sociedade em geral, foi lançado em 2017 o novo site da Empaer. Totalmente reformulado e de fácil navegação, proporcionando ao usuário uma plataforma completa com dados que ilustram a realidade da agricultura familiar do Estado de Mato Grosso. Além disso, o site permite uma maior integração com o portal do Governo do Estado. Layr destaca que desde o seu lançamento em 2004, esta é a primeira grande reformulação pela qual passa o site da empresa, que pode ser acessado pelo endereço  www.empaer.mt.gov.br.

A Secretaria de Arigultra Familiar (Seaf), destaca que outro programa voltado para o fortalecimento das famílias foi a capacitação de 2.794 mulheres nas comunidades rurais, por meio de encontros e oficinas, com uma nova visão de consumo sustentável e empreendedorismo, com efeito motivador, informativo, recreativo e de integração além de apresentar e fomentar as políticas públicas para as mulheres do campo.

 

 

Fonte: Agro Olhar

Rádios

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE